Gestão Estratégica
Movimentos Estratégicos

Os movimentos estratégicos efetuados pelo Banco do Brasil são organizados na forma de programas ou projetos, visando à melhoria do relacionamento com os clientes Varejo PF e PJ, Atacado, Private e Governo; ao estabelecimento de parcerias e demais formas de operações societárias e associações de médio e longo prazos; à expansão da atuação internacional do Banco; à realização de negócios Sociais (com foco na implementação de políticas públicas e que evidenciam a função social do Banco e que contribuem para o desenvolvimento social do País); e à Governança Corporativa.

Também são realizadas ações estratégicas visando ao aperfeiçoamento da Gestão de Riscos e Compliance, à Gestão da Informação, à sustentabilidade (especialmente por meio de projetos de Desenvolvimento Regional Sustentável e de iniciativas socioambientais), à Gestão da Marca, à Gestão de Pessoas, aos processos de Apoio aos Negócios e à Gestão, à Gestão dos Canais, à Gestão da Segurança e ao desenvolvimento e implantação de soluções de infraestrutura ou de sistemas tecnológicos.

A materialização da estratégia envolve um esforço coordenado entre as diversas unidades do Banco. Esse esforço se intensifica ao ser organizado e operacionalizado por meio de portfólios com seus programas e projetos, bem como processos internos aprimorados.

Para dar suporte aos direcionamentos estratégicos e às metas de expansão internacional, o Banco do Brasil revisou o sistema de gestão dos negócios no exterior, com ênfase na redefinição de responsabilidades das Unidades Estratégicas, governança de redes e participações no exterior, gestão de riscos e resultados, desenvolvimento de estratégias de relacionamento com clientes, produtos e serviços e processos de apoio.